Em menos de uma semana, Ourinhos registra duas mortes por afogamento

Foto: Weverson Marquezini /  Lagoa São José (Ourinhos)

Ourinhos é um município conhecido por ser rodeado de inúmeros rios e afluentes. Nadar nesses locais para se refrescar em dias de calor, como os atuais, é uma prática que parece inofensiva, mas que não deve ser realizada em virtude do sério risco de morte e afogamento.

Segundo o Corpo de Bombeiros de Ourinhos, nossa região é repleta de barragens que mudam as características dos rios. Um rio não é um local nivelado, pode acontecer facilmente de uma pessoa cair em buraco, mesmo que no local que ela esteja "pareça dar pé". Há também a possibilidade dessa pessoa ficar presa em um redemoinho, ser carregada por uma correnteza forte, de chocar com alguma pedra no ato do mergulho ou até mesmo se enroscar em alguma rede de pesca ou galho. Outros fatores, que também causam muitas mortes por afogamento, é a câimbra (originada quando a pessoa acaba superestimando a capacidade de natação), a congestão e a ingestão de bebidas alcoólicas.

Em menos de uma semana, duas mortes por afogamento foram registradas na cidade: o jovem Matheus Camargo, de 22 anos na quarta-feira passada (20) que se afogou enquanto nadava na área conhecida como "bate saco" próxima ao Diacuí e o senhor Antonio Cruz de Oliveira de 54 anos, conhecido como "Toninho" que se afogou à cerca de 30 metros da margem da lagoa São José, na tarde de ontem (24), seu corpo foi encontrado na manhã desta segunda-feira (25) e encaminhado ao Serviço de Verificação de Óbitos de Ourinhos. 

Ficam aqui nossas condolências aos amigos e familiares das vitimas e um alerta para que as pessoas evitem nadar em locais desconhecidos e perigosos, procurem locais seguros e bem frequentados para se refrescarem, não ingiram bebidas alcoólicas, estejam acompanhadas de boias ou coletes salva-vidas e não superestimem a capacidade de natação.

DA REDAÇÃO

Nenhum comentário

Regras para comentar

• Faça comentário em relação ao tema abordado na postagem.
• Não serão publicados comentários com erros de ortográficos e escritos EM CAIXA ALTA.
• Não serão publicados comentários com propagandas e spans.
• Não serão publicados comentários obscenos, ilegais e ofensivos.

A Equipe do Jornal Tribuna de Ouro agradece sua colaboração.

Contato: tribunadeouro@gmail.com

Tecnologia do Blogger.